16 de Maio de 2019

Caros leitores vilabonenses e marcuenses em geral, acabo de ver uma publicação, ao que parece retirada do jornal da nossa terra, que dá conta de uma situação um pouca constrangedora e que pode por em causa a eficiência do executico da JF de Vila Boa de Quires e Maureles. Como vilabonense, sinto-me triste por sair da minha Freguesia a academia de artes ARTÂMEGA, e saber que o responsável pelos destinos da minha freguesia (Presidente da Junta) tinha conhecimento desta situação há mais de dois anos, e nada fez para evitar o pior, e que fez questão de não informar os habitantes da sua Freguesia atempadamente de forma a que estes  pudessem expressar opiniões e apresentar soluções para o problema, deixa-me triste, muito triste.

Os habitantes duma freguesia saberem de um "problema" que dura há mais de dois anos, através da transmissão de uma assembleia Municipal, cria revolta. Ser necessário um grupo de cidadãos cumuns juntarem-se numa tentativa de remediar o problema a poucos meses da transição do local de funcionamento, revolta qualquer mortal. Felicitações pela iniciativa.

O impulsionador desta iniciativa, devia ter sido o Presidente da Junta há mais de dois anos, agora infelizmente, poderá ser tarde demais.

Se dúvida houvesse sobre o motivo da mudança de instalações, ficou esclarecido na declaração que passo a publicar.

artamega.JPG

 

Se "perdemos" a ARTÂMEGA, a uma pessoa o devemos...

 

publicado por Vitor Hugo Almeida às 15:03

05 de Maio de 2019

Recentemente surgiu em Vila Boa de Quires e Maureles um movimento contra a deslocação da Academia das artes, ARTAMEGA, desta freguesia para outra freguesia. Este movimento conta o apoio de pessoas de diferentes faixas etárias e diversas áreas profissionais. Como é bonito ver estas pessoas defenderem o que supostamente é da freguesia. Tanta força, tanta garra, tanto empenho e perante isto tudo pergunto.: Onde estavam estas pessoas aquando o encerramento da Escola EB1 de Buriz? Onde estavam estas pessoas aquando o Património da Junta de freguesia foi Municipalizado? Pois é, ao que parece, o encerramento de uma escola primária, a "oferta" de um pavilhão Gimnodesportivo, um Campo de Futebol e muitos outros bens, não têm qualquer valor comparado com uma escola de artes. Devemos defender o que está na nossa terra e o que é nosso. MAS NUNCA DEFENDER APENAS POR BIRRA POLITICA, que infelizmente é o que está a acontecer. Já agora, antes de aderir ao movimento saiba as verdadeiras razões do que está em causa.

Se em tempos que já vão, tivessem sido tão empenhados ainda teriamos Escola de Buriz em funcionamento, o Parque Desportivo D. Maria Carolina Albuquerque Vasconcelos e o Pavilhão Gimnodespertivo António Ferreira Soares seriam ainda da Junta de Freguesia e não da Câmara Municipal; Teriamos concerteza uma Zona Indústrial e o Saneamento básico estaria ligado há muito mais tempo.

Mas provavelmente nesses tempos não interessava serem empenhados. Uma pergunta inocente: porque não se empenharam nessa altura? responda quem souber.

luta.jpg

 Saiba aqui a verdade da mudança

 

 

publicado por Vitor Hugo Almeida às 10:00

Autores

ver perfil

segue-me

1 seguidor
Você é o Visitante Nº
contador gratuito de visitas
Maio 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


Posts mais comentados
16 comentários
12 comentários
links