03 de Outubro de 2009

O que leva um(a) presidente de junta em exercicio de funções a tentar boicotar um comicio? E se um(a) presidente de junta PSD? Ajuda? E se o comicio em questão, for um comicio do Movimento "Marco Confiante com Ferreira Torres"? não estou a ajudar nada pois não? è melhor relatar o que se passou: Na noite de 2 de Outubro (ontem), Avelino Ferreira Torres exercia o seu direito de manifesto eleitoral, em Sobretamega, quando saída do nada, a presidente da junta, em exercio, eleita pelo PSD em 2005, tenta por várias vezes interromper o discurso do candidato pelo movimento, apesar dos apelos educados de Avelino Ferreira Torres (Coisa rara diga-se de passagem), para que a senhora esperasse pelo fim dos discurso, para no tempo devido se manifestar, Gorete Babo insistiu em tentar interromper, de forma arrogante cheganto a mencionar que era presidente da junta, como se isso lhe desse o direito de fazer o que quer, até mesmo boicotar um comicio de um adeversário politico. As tentativas foram de tal forma inconvenientes, que o candidato pelo movimento chegou mesmo a ameaçar que a ponha fora do locar.

É esta a democracia de que fala o PSD? Se é democracia, o que seria se vivesssemos num regime ditatorial.

Isto tudo para justificar o titulo do POSt, esta atitude demosntra na perfeição, o desespero laranja que se vive em Sobretamega, que reflete o desespero do Concelho. E com  esta a senhora, veio apenas assumir a sua derrota enquanto candidata à assembleia de freguesia.

Deixo uma questão para reflexão: Será a atitude desta senhora foi muito diferente das de Avelino Ferreira Torres? Será que faz sentido esta senhora apontar o que quer que seja e seja a quem for, falta de democracia?

 

 

 

publicado por Vitor Hugo Almeida às 14:41

Mas a verdade é que vivemos mesmo num regime ditatorial.Ontem no largo da igreja no comício do MVC alguns figurões estavam no cimo dos degraus do cruzeiro em atitude de desafio e outros andavam espalhados pelo meio das pessoas a lançar bocas,só que os oradores Paulo Almeida,Adelino Soares e Ferreira Torres apontaram-lhes os podres da sua governação e eles acabaram por fugir com o rabinho entre as pernas.
Quanto a Sobretâmega,por conversas que tenho tido com pessoas de lá,é opinião geral que Gorete Babo vai acabar por ganhar as eleições porque,também lá,instalou um clima de perseguição e de medo e também porque Agostinho Mendes não se assumiu como um verdadeiro candidato de oposição.
3 de Outubro de 2009 às 17:30

Expressões como “regime ditatorial” são na minha opinião demasiado fortes e já o demonstrei noutro post mas se os colegas o optam por fazer nada contra.
Na minha opinião o que se tem passado com os candidatos a juntas de freguesias do nosso concelho e falo não só deste episodio aqui relatado mas também do que se passou em Soalhaes com o candidato de AFT e a actual presidente da junta eleita pelo PS, não é uma mostra de desespero mas sim de falta de respeito, por si mesmos, do seu eleitorado e da essência politica em geral, da ultima vez que vi no dicionário, politica era, e passo a transcrever:
“. Ciência do governo das nações. Cerimónia, cortesia, civilidade, urbanidade.”
Haverá mesmo lugar em política para a calúnia, maledicência e as altercações a que temos assistido nestes últimos tempos, não acredito.
Mas já que falamos das atitudes pouco cívicas e mesmo de mau gosto de alguns candidatos falemos também das atitudes que embora não sejam há primeira vista de mau gosto são das mais grotescas depois de alguns minutos de observação e outros tantos de reflexão.
Como sabem vivo em Constance mas trabalho em Vila Boa de Quires e hoje vou me virar para outro candidato ao executivo da nossa câmara, isto porque cometeu o maior desrespeito que alguém podia ter cometido contra o povo deste concelho. E falo dos mais recentes outdoors do Dr. Manuel Moreira, sim aqueles que sou obrigado a ver todos os dias.
“Marco é Vida” tudo bem agora falar em “pavimentação de estradas”, é isso que chamam há pintura abstracta nos dias que correm, aquilo que fizeram neste concelho às nossas estradas
pode se chamar de muita coisa mas nunca pavimentação isso não, mas o ex-líbris da gestão de Manuel Moreira e dos seus mais recentes outdoors até nem é a “pavimentação” ora vejam lá se adivinham, adivinharam é esse mesmo o já muito célebre tema da “Água e Saneamento” tenham respeito por quem cá vive e falem com razão e respeito por quem cá habita e espera á anos pela água e saneamento básico, pessoas que preferiam não ter um parque fluvial do qual tentam fazer uma grande obra, ou gás natural que não é para todos mas só para alguns para terem sim as infra-estruturas que lhes dariam uma melhor qualidade de vida.
Já que não dão às pessoas condições para humanamente viverem melhor tenham os senhores algum discernimento,honestidade e lealdade com os seus eleitores e não nos atirem com areia... perdão pedras para os olhos.



P.S. Peço desculpa ao autor do post por ter respondido e ao mesmo tempo ter falado noutro assunto mas como acho que as bases são as mesmas alonguei a minha opinião sobre as faltas de respeito a que temos assistido de parte a parte neste nosso Concelho.
3 de Outubro de 2009 às 18:27

Em Tabuado,num comício do movimento de Norberto Soares, a presidente da junta Fátima Vasconcelos e um jovem,que suponho pertencer à JSD,também provocaram disturbios.Eu,que me tenho batido contra aquilo que chamo de polvo e caciquismo em V.B.de Quires,estou a ver que o mal se generalizou por todo o concelho. Será que estamos a precisar todos de um banho de ESSÊNCIA DE DEMOCRACIA ?
3 de Outubro de 2009 às 19:17

Posts mais comentados
16 comentários
12 comentários
links
Visitantes
EM LINHA
Você Está Aqui